sábado, 3 de novembro de 2012

Coração de pirata


Ele quis pegar na minha mão, mas sem querer pegou meu coração.Sem ar tentei buscar , mesmo sem forças, um motivo nos seus olhos para eu estar tão feliz.Havia tanta coisa escondida neles, que eu não consgeui acompanhar.Pegou minha mão e me levou.Não fomos dançar, nem para um parque bonito. Você me levou pro seu sonho, para um lugar em branco que pudéssmos colorir juntos.Não era amor.Ao menos não dessa forma como nós vemos por ai.Era uma sintonia indescritível.Dessa vez que pegou pela mão fui eu.Peguei e fui, e fomos.Fomos para o meu sonho.Montamos uma cabana num quintal, inventamos todos os animais, visitamos todas as estrelas.Abrimos os olhos e ainda estávamos ali.Um para o outro.Sorri e fui embora.Meu sonho é para se sonhar junto.Mas não para se sonhar preso, por isso fui.Um dia eu volto, quem sabe.Acumular corações e sonhos, casas e caminhos.Para eu poder voltar sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vai, deixe sua pegada por aqui.;)