segunda-feira, 31 de maio de 2010

Entre bolas desabão e devaneios.

Antes de mais nada, uma verdade:Alice não era loira, nem calada.Era sim ruiva e faladeira, e depois de ler sua própria história se reconheceu diferente.Mas a coragem e esperteza continuavam ali, só que agora um pouco mais inquieta.Pensando bem, talvez fosse calada quando estivesse concentrada em busca de algo, isso até ser despertada pela correria do dia-dia.O gato continuava com aquele sorrisinho saliente, seu sarcasmo que a instigava, a esclarecia enquanto confundia.Com ela era tudo ao mesmo tempo.Desde pequena fincava os pés na areia mas se esticava para tentar chegar ao sol, sempre se firmou nas raízes a fim de chegar mais longe, alçar vôos mais altos.Entre risadas e brincadeiras aparecia o coelho atrasado, e a chamava para viver.Queria sempre trazê-la para o mundo real, apesar de nem sempre saber o que é real e o que era imaginário afinal sempre tratou seus sonhos com tanta certeza , convicção.Nos momentos mais confusos de sua vida aparecia aquela...como é mesmo?Ah sim...A lagarta azul com ar de ' sabedoria eterna', chegava e dizia palavras soltas sem nenhum sentido.Mas que ao longo das suas próprias descobertas, ao longo do caminho ao chamado 'auto-conhecimento' ela via que faziam sentido e que apesar de tosco aquele ar soberano dava o maior charme a pequena lagarta.
É...Alice ainda viajava em frente ao espelho e delirava lendo livros, mas antes de tudo sabia como ser a Alice a que todos procuravam, e que teve que encontrar aos poucos dentro de si mesma.
Sabe o que é?É que enquanto brinca com bolas de sabão ela imagina as coisas impossíveis, os defeitos quase incorrigíveis e os sonhos, ela sim sabia fazê-los atingíveis.E cada cor de aparecia naquela esfera tão delicada ela imaginava um história diferente para se viver, um personagem diferente para encarar, quem sabe até uma postura diferente a se seguir.Mas ela sabe que em tantos devaneios continua sendo Alice, mesmo com a cor do cabelo inesperada e com mais intensidade de viver.
E eu continuarei aqui, sonhando com ela imaginando como seria ser como ela, quem sabe um dia não encontro uma Alice dentro de mim?

6 comentários:

  1. Linda,seu blog é uma graça.
    PARABÉNS!
    Sua visita é importante para mim.
    www.fluem.blogspot.com
    :*

    ResponderExcluir
  2. hahahaha

    eu já fui Alice, confesso até que ainda nessa idade minha, tem dias que viajo como ela...
    *-*

    é tão bom sonhar e pensar que nosso mundo é perfeito, do jeitinho que nós queremos!

    Gosta de Alice, então... Deve conhecer o dia do Desaniversário... Parabens!!

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. as primeiras frases me fizeram sorrir c:

    se cuida :*

    ResponderExcluir
  4. adorei
    ontem me senti uma alice *-*

    beijos;

    ResponderExcluir
  5. Senti saudades da sua visita, que bom que voltou *-* Amei demais esse texto, eu amo tudo que é baseado no mundo de ALICE.

    Você continua escrevendo perfeitamente, senti falta daqui. Vou voltar toda hora agora \o/

    E obrigada pelo elogio, amei o seu comentário. Fiquei tão contente *-* Obrigada mesmo, viu?

    xx

    ResponderExcluir
  6. Nossa, adorei o seu post!
    Tá incrível, bem escrito!
    Lindo...
    Beijinhooos

    ResponderExcluir

Vai, deixe sua pegada por aqui.;)