sábado, 19 de setembro de 2009

Nos bailes da vida.

Cantar era buscar o caminho que vai dar no sol.
Tenho comigo as lembranças do que eu era.
Para cantar nada era longe,tudo tão bom.
Pé na estrada d eterra na boléia de um caminhão.
Era assim.

8 comentários:

  1. E também guardo as lembranças do que eu fui, aqui. E sempre.

    Bom demais te reencontrar. E não deixar se perder outra vez! :D

    Um beijo, flor.

    ResponderExcluir
  2. heeeeyyy!

    posso ser sincero?
    Há tempos não me sinto tão bem num blog como agora!

    a atmosfera, o título, o endereço, tudo!

    sem falar da sua postagem. *-*'
    ah, que coisa maravilhosa!
    Tão leve e suave!
    Tão cheia de graça!

    A vida através dos seus olhos é simples, simples, simples. *-*'

    amei isso tudo!

    ResponderExcluir
  3. owwn, eu tbm amo essa música! na realidade todas do RBD, hehe! adorei seu layout! lindo dms *-*' Fé e força eu tenho, so falta o universo conspirar agora! HUAHAUH'

    ResponderExcluir
  4. Um pouco do que fomos, do que somos e o que seremos. Isso é o que a gente carrega sem ninguém mais saber detalhadamente..

    ResponderExcluir
  5. e só cantamos bem, quando roubamos a propriedade da letra e do ritmo, srs
    bjs e bons dias

    ResponderExcluir

Vai, deixe sua pegada por aqui.;)