quinta-feira, 26 de março de 2009

Desculpa.

Estrelas nas mãos.
Enquanto você no céu,
eu na Terra.
Eu não quero parecer grossa,
mas suas estrelas não me pertencem,
não fazem parte do meu céu.
Eu espero outras estrelas,
não que as suas não sejam boas
eu apenas sei que não me pertencem.
Deixe a vida te mostrar outro céu
para suas estrelas brilharem mais fortes.
Não posso aceitar essa oferta
enquanto meu coração espera outra,
e minha mente não pensa nisso de imediato.
Desculpa mas agora estou muito pé no chão,
e não quero certos astros agora.
Acredite que suas estrelas valerão muitos mais
num céu que as necessite e as contemplem.
E sei que isso eu não posso fazer.
Desculpa.

4 comentários:

  1. eu li três vezes esse etxto, e em cada uma, teve um significado diferente.


    a fran me falou de você. HAHA
    beijo baah.

    ResponderExcluir
  2. esse texto parece um toco [2]
    AEHUOEAHEAHUIEAHEAHOUIEAHUEAHUIEAHIAEHUIEAHIEAHUIEA

    adoro, mas ta digna !
    amo tu ;*

    ResponderExcluir
  3. esse texto parece um toco [3]


    Mas tá lindo, liiiindo!
    Sim, eu falei de você pra Tay!

    ResponderExcluir

Vai, deixe sua pegada por aqui.;)