sábado, 27 de dezembro de 2008

Algo universal...Algo espiritual...

Quando restava apenas o último suspiro do Natal
Ela parecebeu que em meio a tantas pessoas tristes,
confusas, felizes ,preocupadas...
Ela já não sabia mas onde o tal Natal estava...
Mas foi quando tomou a decisão que tinha que tomar...
Foi quando ela ouviu as vozes profundas e frimes ...
Que ela se libertou da corrente que a prendia num mundo
que não era dela e que não a deixava ser quem ela era.
Que simplesmente a esgotou e a sufocou...
Quando essa corrente foi quebrada
teve a sensação mais aliviante da sua vida.
Sensação indescritível.
Se sentiu tão bem que voltou a enxergar o Natal.
Enxergar não..
Pois percebeu que aquela consepção que ouvia desde sempre
não batia com o que vivia naquele momento.
Ela que tentou enxergar o Natal nas coisas...
Nas formas mais simples de vida...
E memso assim não a satisfez
Essa menina que já tinha se desligado dessa busca
decsobriu ao acasoque o Natal,
essa magia que as crianças vêem muitas vezes,
é um estado de espírito.
É abstrato de mais
para pessoas fechadas perecberem...
Logo ela viu que o Natal não era o Papai Noel
e nem a trcoa de presentes
nem as músicas natalinas...
Ela viu que o Natal de verdade era o sentimento...
Era a lágrima quando se ouve aquele música
que te lembra alguém de uma forma boa.
É a alegria de uma criança ao ver aquelas luzes..
Ao ver que as pessoas estão diferentes
ao perceberem que existem ainda pessoas
que se preucupam com ela...
É sentir que o Natal não é de uma pessoa,
uma família ou de um ser superior...
Mas sim universal!
Ele pode estar em todos
Pode ser sentido e finalmente compreendido sem explicações...
Foi ai nesse dia que aquela menina
que já estva meio perdida nisso tudo
teve mais bela sensação de dever cumprido
e de reencontro com o verdadeiro Natal.
Universal...Espiritual.

Namastê!

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Você é do que faz ou do que tanto faz?

"Nenhuma verdade me machuca
Nenhum motivo me corrói
Até se eu ficar
Só na vontade, já não dói
Nenhuma doutrina me convence
Nenhuma resposta me satisfaz
Nem mesmo o tédio me surpreende mais"


O mal do mundo..
O mal do povo..
Comodismo,praga.
Ninguém sente o mal que faz.
Ninguém enxerga.
Quando você passa a achar tudo muito natural
é por que você já está no meio.
Se tornar insensível para os problemas do mundo
não é um bom jeito pra se sentir uma "fortaleza".
Pois é aí que você se torna conivente.
Não é ser falso e fazer um escarcéu por "nada".
É apenas enxergar as coisas como um todo
e não como um fato solto,não um momento.
É saber que pequenos fatos
são os primeiros passos de um caminho,
que você?
Vai achar tão natural quanto a "pequena" coisa.
Ou então vai dizer que não é isso...
É outar coisa...
Que as pessoas adoram rotular..
E que pra piorar foi só naquele dia..
ESQUECE!
Uma coisa só acontece quando é pra acontecer.
Seja por que querem,ou pro que deve.
Assuma sua escolha,
mas não diga que não vai seguir o caminho,
aliás se você começou por que quis,
por que então vai voltar atrás?
Atrava-se a ter ideias,objetivos e conceitos.
Pois são eles que vão te dar suporte para as fases dificeis,
são eles que vão ajudar nas escolhas...
Lute por uma idéia e não por um momento.
Fingir não enxergar ou lutar para ter um visão bem melhor?


"Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
A vida não para.
Enquanto o tempo acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora vou na valsa
A vida e tão rara.
Enquanto todo mundo espera a cura do mal
E a loucura finge que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência
O mundo vai girando cada vez mais veloz
A gente espera do mundo e o mundo espera de nós"



E aí,do que faz ou tanto faz?

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Como atravessar um ponte obscura?

"Quando você foi embora
Fez-se noite em meu viver
Forte eu sou mas não tem jeito,
Hoje eu tenho que chorar
Minha casa não é minha,
E nem é meu este lugar
Estou só e não resisto,
Muito tenho prá falar

Solto a voz nas estradas,
Já não quero parar
Meu caminho é de pedras,
Como posso sonhar
Sonho feito de brisa,
Vento vem terminar
Vou fechar o meu pranto,
Vou querer me matar"



Não..Eu não sei como eu me sinto.
A dor só vem quando eu lembro de você
e penso no futuro...
Esse futuro que me amedronta,
afinal o que será de mim
sem seu jeito "muleque"?
Era maninho pra lá maninha pra cá.
Hoje só resta os decendentes..
Só restou frutos desse seu amor..
da sua força...
do seu saber....
do seu viver...
do seu sorrir.
O mais forte enfraqueceu,
e hoje o vento levou você de mim.
O maninho "sacapaquinho" deixou seu corpo...
Foi viver sua vida em outros campos..
em outros mundos..
Quando você voltar espero que continue como você é,
só que agora num processo mais intenso
de aprendizagem e crescimento.
Se o caminho é a luz,
como pode você partir e me deixar no escuro?
Não quetsiono Deus,pois este sabe o que faz.
Eu questiono a mim como vou viver
sem olhar pra trás?
E a vovó quem por tanto tempo te amou...
Era o casal mais bonito
mas agora esse amor no tempo ficou.
Afinal 58 anos de casamento...64 de união
muito mais que uma vida.
Vida e morte,mas nada em vão.
Vou tentar não me esquecer das lições
que tinha a ensinar, hoje eu sei que vou crescer
mas sem saber de onde tu me olharás.
Esse seu olhar pequenininho que fazia esforço para arregalar.
Anteontem eu o vi tão fechadinho,mas q nucn amais voltará.
Não vou ficar aqui em lamentando
sua imagem não vai morrer,
o snetiemnto que todos temos é o que me faz aquecer.
Eu não tive tempo de dizer mas eu quero que saiba
NEOQEAV,pra nunca esquecer.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

O tempo....

Um menina pensava no que fazia e hoje não faz mais
ela ,sentada na jenela,
olhava para paisagem e via seu passado.
O sentimento de nostalgia e perde se confundem,
a diexando triste e até memso suja por dentro.
Sentindo algo estranho e complicado.
Pois pensava no que estava vivendo naqueles dias,
naquele momento o que era a vida dela.
Havia momentos felizes,novos amigos ótimos,
mas mesmo assim tudo parecia tão vazio.
Os sorrisos as risadas e bobeiras...
sente que ficaram estáticos ali naquele momento
e não viraram lembranças, aquelas lembranças
como as que via passando na sua janela.
Não é que fosse melhor,
era apenas diferente,era outra vida.
Parece que naquela vida ela era mais ela.
Sentia que naqueles tempos ela cersceu muito
com pessoas que sabe que não vai esquecer
muito menos abandonar.
Ali naqueles tempos,
sabia que era tudo que queria ser,
mas agora o tempo bate na sua porta
e precisa fechar a janela,
o despertador já tocou é hora de seguir a vida.
Aprennder a olhar pra frente,
tentar trazer aquela vontade de viver do passado, ao presente.
E unir tudo de nostálgico a tudo de extasiante do agora.
Mas eu agora não sei se era um janela...
Nem sei se era ELA.
Acho que via o espelho...
Me fazendo relembrar de tudo que foi vivido,
me pressionando a tomar uma atitude,
num estalar de instante,
me libertando do findado,
deixando ilimitada para um novo futuro.


Beijos.
Boa noite.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Voltei....

Faz quase um mês que fiquei longe daqui...Mas eu fiquei quase um mês sem a internet..

E andei pensando...
Meu pai meu disse uma coisa que me fez pensar muito.
Ele disse que só entra na nossa casa quem a gente deixa.
Ou seja, a gente só carrega pra casa
aquilo que a gente se deixa levar.
Ou "pessoas",
se você acha que viu algo ou alguém e te acompanhou,
mesmo você com medo,
esse ser parou em frente a sua casa
é por que não encontrou brecha pra entrar.
Ou então fez o que queria fazer.
Qaundo você tem pensmaentos ruins sobre pessoas,
sobre a vida até memso sobre você
isso gera uma energia ruim,
que se algum espírito ou pessoa
quiser se aproximar de você pelo ruim,
ela vai conseguir
por que você deu brecha.
Aprtir do momento que você pensa emcoisas ruins
e age de uma forma ruim com os outros e consigo memso,
você dá brecha para alguém chegar por esse ponto fraco seu.

De repente você não acredite em espíritos,
mas se você tem sentimentos onde então eles ficam guardados?
Você não pdoe ser apenas hormônios estimulados.
Se fvocê acredita em Deus você tem que acreditar no espírito.
E de certa forma todas as religiões, que cultivam um Deus,
acredita na vida após a morte.
A diferença é em como isso acontece.
Na evangélica você espera pelo dia do julgamento.
Na católica fica no purgatório.
E no esíritismo(e suas subdivisões) acredita-se na sequência,
no caminho para a evolução do espírito.

Quer dizer,sua vida é guiada por tudo q você faz.
Não pense você que as atitudes que você faz escondida
nãos e ecoam pelo resto do seu caminho,
nada passa despercebido.
por isso é importante tentar ser o seu melhor sempre,
pra si mesmo e pra quem está em volta,
já que cada atitude vai além do sua vida ,
você smepre de laguma forma passa para alguém.
Memso que nãos eja explicitamente,
alguam coisa você mostra ao mundo,
disso não dá pra fugir.

Pense bem nas escolhas,
não cultive os pensamentos ruins.
Não absorva pensamentos ruins dos outros.
É fato,o que você emana pro mundo
o mundo devolve a você,
ou você nunca ouviu que sua energia move o mundo?

domingo, 21 de setembro de 2008

Quem apagou o mundo???

"Eu queria ver no escuro do mundo
onde está o que você quer.
Pra eu me transformar no que te agrada.
No que me faça ver...
Quais são as cores e as coisas pra te prender?"



Caramba.
Nossa.
UAU!
Muita coisa junta "plamordedeus"!
Fiz o que não era pra ter feito.
Me iludi mas consgeuir safar um coração de uma ilusão.
E to cansada quer saber..
Muito cansada de sentimentos e pensamentos mesquinhos.
CHEGA!
As pessoas se acham muito superiores por meu gosto!
É tudo jogo de aparência,
pra se mostrar mais forte
e proteger seu ego infame.
As pesoas passam tanto tempo se preucupando com a aparência
e em mandar no pensamento dos outros sobre si memso..
E em se mostrar mais ou menos pra alguém
e no final esquecem sua própria vida
e sem pereceber passam a viver pro outro.
Viver para aas coisas mesquinahs pessoas mesquinhas...
É o FIM!
Se preocupem com o que fazer da sua vida..
Vai ler um livro.
Fazer bons amigos.
Freqüentar lugares diferentes.
Pare de remoer velhos problemas
e querer saber tudo que dizem à seu respeito.
Minha mãe que diz sempre:
Se você gosta de brigar vai sempre brigar.
Gosta de escândalo vai sempre armar um.
A vida é feita de coisas que atraimos de alguma forma.
Você pode até não causar nenhu problema
mas vão sempre criar a oportunidade para vc
exercitar seus gostos.
Por que quem não gosta
mesmo de uma coisa não vai atrás,
não não fica remoendo nem pondo lenha na fogueira.
Quer saber cansei MESMO.
E agora vou esperar o dia amanhecer
e ver se você aparece.
Pra me confundir cada vez mais..
Pa me esclarecer quem sabe..
Mas com certeza vai me deangustiar.

Ps.:Se é que essa palavra existe.

Boa Noite!

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Quente.=X

Parece que as palavras têm duplo sentido.
Mas de fato eu estou quente...
Gripe resfriado e dor na garganta sabe?
Parece que o nosso emocional mexe mesmo com a gente.
Eu não ia postar..Eu até queria...
mas não tinha material emocional o suficente para
conseguir escrever algo aqui.rs

Bom..É assim sabe?
Mostrei.
É mostrei memso.
E não foi nada de mais.
Foi até bem legal.
Faz bem mostrar o que a gente sente
pra quem a gente sente.
Mesmo que de uma forma discreta e dissimulada.=X
Sabe é bom escrever...
Faz bem msotrar.
Mesmo que você saiba que aquilo pode gerar certa situação...
Ou sentimento,que não é o que se quer.
Se mostre.
Pois a rejeição é menos pior que o arrependimento
de palavras não ditas.
E quer saber eu pouco me importa para o que ele acha.
Eu sei o que sou e o que sinto.
O resto é a minha imaginação
é minha vontade de viver ultrapassando minha razão
e chegando a esse texto.
Pq no final o que você ecsreveu é muito maior do que fora escrito.
Clarice Lispector já dizia:

."As palavras me antecedem e ultrapassam,
elas me tentam e me modificam,
e se não tomo cuidado será tarde demais: as coisas serão
ditas sem eu as ter dito."

"Eu só queria uma música(...)
Acho que eu escrevi uma música..."
Boa Noite!
Espero aqueles² cometários especiais.
*_*

sábado, 13 de setembro de 2008

I'm not gonna write you a love song 'Cause you asked for it

Boa noite...
Vou começar com uma música...Que me faz lembrar tantas coisas..


Canção de Amor

Cabeça embaixo da água
E eles me dizem para respitar fácil por um tempo
A respiração fica mais difícil, até eu sei disso

Você abriu espaço para mim, mas é muito cedo para ver
Se eu estou feliz em suas mãos
Eu sou difícil de me apegar

Olhares sem expressão para páginas em branco
Não há uma forma fácil de dizer isso
Você tem boas intenções, mas torna isso difícil para
mim

Refrão:
Eu não vou te escrever uma canção de amor
Porque você me pediu isso
Porque você precisa de uma, veja só
Eu não vou te escrever uma canção de amor
Porque você me diz que é
Escrever ou terminar
Se você está indo embora,
Eu não vou escrever para você ficar
Se tudo o que você oferece é ir embora,
Eu vou precisar de uma razão melhor para
Te escrever uma canção de amor hoje

Eu aprendi da forma difícil
Que eles todos dizem coisas que você quer ouvir
E meu coração pesado afunda bem debaixo de você
E suas palavras deturpadas, sua ajuda só magoa
Você não é o que eu pensei que fosse
Olá para o abandono

Convenceu-me a te agradar
Fez-me pensar que eu preciso disso também
Eu estou tentando fazer você me ouvir como sou

Refrão

Prometa-me que você deixará a luz acesa
Para me ajudar a ver com a luz do dia, meu guia, se foi
Porque eu acredito que há um jeito de você poder me amar
Porque eu digo

Eu não vou te escrever uma canção de amor
Porque você me pediu isso
Porque você precisa de uma, veja só
Eu não vou te escrever uma canção de amor
Porque você me diz que é
Escrever ou terminar
É por isso que você queria uma canção de amor?
Porque você me pediu isso
Porque você precisa de uma, veja só
Eu não vou te escrever uma canção de amor
Porque você me diz que é escrever ou terminar
Se você está indo embora,
Eu não vou escrever para você ficar
Se o seu coração não está a fim,
Eu não o quero por um minuto
Querido, eu andarei os sete mares quando eu acreditar que
Há uma razão para
Te escrever uma canção de amor hoje"

Enfim...
É complicado falar do que não se sabe nem o que é...
Quer dizer não se sabe uma ova por que se eu não soubesse não
conseguiria nem imaginar...
Quer dizer meu subconciente deve saber o que é...
Quer dizer se for expontâneo claro que ele deve saber...Quer dizer...CHEGA de QUER DIZER!
Sabe...foi um pouco disso tudo,
que aqui escrito ficará guardado.
Mas é realmente complicado retomar o raciocínio de algo
que na verdade nem vivido foi.
Mas pq por que então tenho a sensação
de que "está apenas começando", dentro de mim?
Seria tão mais simples se nosssas ilusões expontaneas
fossem verdadeiras possívei idéias para o nosso futuro.
Mas é tão estranho, pq que quando eu penso em fatos
premeditados, sentimentos esperados,e histórias já vividas.
Parece tudo tão chato.
Legal é você achar q está escrevendo a própria história,
e vem o destino e bagunça tudo de uma forma tão inesperada
e boa ao mesmo tempo.
Que te deixa louca para esquecer qualquer plano e ansiosa
pelo que virá pelas próprias linhas da vida.
Mas é complexo por que  aconteceu.
De uma forma que eu nem entendi o por que.
Ele estava lá um cara comum numa terra quase desconhecida.
Se fez tão indiferente e ao mesmo tempo tão presente
em qualquer um dos meus seis sentidos.
Como pode agora falar um monte de besteiras,
um monte de loucuras e fazer crescer aquilo que eu já sentia...
E de certa forma já sabia.
Sumiu...mas e eu?No começo fiquei mal...
Mas logo vi que o melhor não é a
rotinhazinha mesquinha mas sim o vai e vem sem sentido.
Quando ele surge e me surpreende com as palavras mais
bobas e indiscretas.
Apesar de parecer tão encantada, eu sei como estou.
É fácil pereceber que aconteceu algo comigo.
Mas o dificil é saber com que intensidade.
As ilusões do coração me afetaram um pouco a mente.
Mesmo assim eu estou tão lúcida quanto antes.
E não vou entrar na brincadeira que ele quiser.
Eu ainda estou com as cartas na mão,
apesar de desperzar aqueles
olhares repuganantes dos adversários à mesa.
Acho que ele achou que já estava ganho
ou quem sabe nem se lembra mais.
Eu sei que eu não vou deixar ele esquecer,
e no final o vencedor será escolhido pela letra da música
tocada ao fundo daquele show,que eu?
Nem me lembro mais o repertório.
; ]
Foi meio estranho mas sei lá..
Odeio o modo como adoro me encantar pelo complicado,errado e misterioso.

Boa Noite!
Beijos a todos.(Y)'