terça-feira, 29 de maio de 2012

Re(laçõ)es Humanas.

 Eu gosto de pessoas.Eu gosto de gente como a gente, sabe?Eu gosto do clichê, num estado não clichê, sabe?Eu gosto de olhar no olhos e pescar aquele sorriso tímido no canto da boca.Eu gosto de desarmar o outro.Eu gosto de trazer esperança, de quebrar padrões e de ver no alto balões.Eu gosto de abraço sincero e beijo na testa.Eu gosto do silêncio do meu quarto e de virar a noite em festa.Eu gosto de comida japonesa e nordestina.Eu gosto de pé na estrada e dos cabelos ao vento.Eu gosto de surpreender uma lágrima com um riso.Eu gosto de ser amiga e estar ao lado, sempre.Eu gosto da idéia de irmandade.Eu gosto de ter idéias.Eu gosto de contestar e trocar idéias.Eu gosto do segredo.Eu gosto muito de guardá-los.Eu gosto do gosto da confiança e do aconchego.Gosto da sensação tranquila de sentir-se bem com alguém.Gosto de fazer alguém se sentir bem.Gosto do contato com o outro.Gosto de ser verdadeira , e acredito atrair isso para mim também.Gosto da espotaneidade da criança e das pessoas quando acreditam não estar sendo vistas.Eu gosto de pessoas.É.

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Melhor amigo.

Meu melhor amigo não me ensinou a jogar bola, mas já jogou com a minha chuteira.E me fez andar até a minha casa com um pé rosa e o outro com um tênis grande e masculino.Meu melhor amigo meu zuava sempre, mas me defendia igualmente.
Meu melhor amigo esteve na primeira fase marcante da minha vida, não simplesmente acompanhou mas protagonizou um divisor de águas.
Meu melhor amigo colocava pilha com garotos desnecessários e depois pedia desculpas.
Meu melhor amigo já foi nomeado de remédio em referência a mim em outras circunstâncias que não tinham nada  a ver, mas hoje vejo que isso era bem verdade mesmo.
Meu melhor amigo guardou um segredo meu, sem pedir, a vida inteira.
Meu melhor amigo queria beijar todas as minhas amigas e perturbava só para por ciúmes.
Meu melhor amigo fazia sucesso, mas sempre arrumava um jeito de ficar ao meu lado.
Meu melhor amigo me fazia a melhor companhia, mas fazia eu ser amiga e mãe ao mesmo tempo.
Meu melhor amigo não esteve em todos o momentos sempre, pois a vida mudou alguns percussos mas quando nos encontrávamos era como se não houvesse intervalo nenhum.
Meu melhor amigo me fazia ficar depois da aula conversando e rindo no ponto de ônibus a ponto da minha mãe perguntar "aonde você estava?".
Meu melhor amigo já tomou banho de chuva comigo numa situação importuna e ainda assim cuidou de mim.Depois rimos ensopados e resfriados dentro do ônibus na volta à casa.
Melhor amigo.Melhor abraço do mundo.
Meu melhor amigo era melhor amigo de outros melhor amigos meus.
Meu melhor amigo ofereceu-me companhia quando achei que fosse ficar sozinha e mesmo com outros amigos cumpriu sua palavra.
Meu melhor amigo esteve comigo desde criança.
Meu melhor amigo não está mais aqui.Não posso mais abraçá-lo como sempre fiz.Não sei por que mas hoje me lembrei muito de você de tal maneira que chegou a beirar os olhos sabe?Ontem vi seu irmão em um ônibus e fiquei idiota de novo por pensar no caminho que a vida resolveu traçar, ou melhor deixar de traçar.E com isso remexi de novo a ferida ainda não cicatrizada.Drama?Não sei.Você por acaso já perdeu alguém assim?Eu não tinha até então.Mas eu tenho/tive outros melhores amigos graças a deus.E você agora nos olha com outros olhos mas ainda olha, assim espero.Por que melhor amigo é assim mesmo encanta e marca eternamente de tal maneira que uma vida é pouco para fazer valer tudo que se sente, tudo que o outro merece.