quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Adeus.

Te confesso querido amigo...
Está na hora de partir.
Não foi fácil o que passei,
nem tudo que vivi.
Agora deixo contigo
a resposabilidade de seguir.

Vi a benção da vida,
e senti a dor cruel e incessante da morte.
Precensiei meu primeiro término,
mas tudo isso me deixou mais forte.

Te entrego uma moça renovada,
que só ela, eu e Deus sabemos o que viveu.
Hoje parece ter criado asas,
e sorrindo passou por tudo que sofreu.

Agora te espero de pé erguido,
sem deixar se abater.
Por que a vida não é de brincadeira.
É ver para crer.

Fecho olhos e posso sentir,
tantas coisas aconteceram enquanto estava aqui.
Te deixo em festa esse mundo,
e me despeço como de uma sonho profundo.


*Só postei para participar dessa Edição do Bloínquês.Queria muuuuito então está aí.E fiz um conversa do MEU 2010 e com próximo 2011.E a sorte está lançada de novo.=)

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Velha roupa colorida.

Você não sente, não vê mas eu não posso deixar de dizer meu amigo: que uma nova mudança em breve vai acontecer.♪

Penso em 2011 como o MEU ano.Há muito tempo não me sentia asism com tanta vontade de me realizar.Mas além de vontade, disposição sabe?Uma coragem que devia estra perdida em algum canto dos meus pensamentos bobos e auto-depreciativos.Mas fato é que estou de pé, de cabeça erguida e mais forte do que nunca.Faço lista imaginárias para rever minhas metas e meios de alcansá-las, nunca fiz isso com tanto querer, parece tudo tão diferente agora...Meu ano se concluirá com enrormes mudanças: vida, morte, términos e começo.Encaro cada dia como um começo e só assim não vou me sentir atônita porque eu acredito plenamente que o futuro já começou.O que aliás foi uma grande sacada essa música da Globo, seja lá que tenha a escrito deixo meus parabéns!Pois é uma letra perfeita, bem bolada ao meu ver.E para animar a virada de ano menciono a música de Belchior e é isso..
Aproveitem essa virada de ano e muita sorteeeee para 2011.
Cor e Luz á todos vocês sempreee.

=)))

domingo, 26 de dezembro de 2010

Novo rumo.


Com o passar do tempo o vento brigou com a correnteza, uma queria ir para um lado mas a correnteza leva o rio para o outro.E foi assim dessa maneira que nos vi.Éramos o rio e encontramos as nascentes, nos divimos, não fomos nós que quisémos foi o vento contrariando a correnteza.Hoje estou aqui refletindo sobre algo que nunca pensei viver, talvez um dia eles façam as pazes mas por enquanto vamos ver aonde vai dar e deixar nas mão de Deus.


quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Ao redor.

Sentada no chão pensava nas responsabilidades da vida: no muito trabalho e pouco dinheiro, muitos seguidores no orkut e twitter mas poucos amigos para lhe atender e apoiar.Sua mãe ligando toda hora para ver se está bem mas olhava a sua volta e se via sozinha, se sentia sozinha.Seus irmãos?Foram cada uma para um canto e seu pai trabalhando como sempre, tinha sempre de haver tempo para os outros logo menos tempo para os de casa.Tinha 20 e poucos anos e estava ali no auge da sua liberdade e da desilusão.Era fim de tarde e resolveu ir caminhar na praia, afinal era a única coisa barata que podia fazê-la sair de casa naquele momento.Sentou na areia e chorou , por dentro, se sentiu num profundo abismo entre tudo que sempre quis ter e a ilusão de como se sentiria.Mas de fato, não conseguia chorar, parecia até um colapso de depressão daqueles secos, que eclodem sem ninguém ver quando percebe-se está assim como ela.Perdida e solitária.Foi quando subitamente parou de sentir a si mesma para sentir o mundo, sentir toda energia que estava presente.Olhando ao redor foi se sentindo menor, foi se sentido uma peça dentro de uma quebra-cabeça complexo feito de vidas, cores, sim sim energias...de todo o tipo.O vento soprando, a onda batendo, o sol indo embora e um menino a correr.Pois é, no meio de sua quase meditação apareceu um menino, e passou a orbservá-lo e viu tamanha surpresa dele perante as coisas do mundo. Tinha sede de aprender, de sentir, o toque na areia, a água geladinha tudo era motivo para sorrir, ou não gostar, mas era tudo muito novo e ele parecia entusiasmado com esse mundo nosso.E ela se sentiu impotente diante a tantas forças maiores, como a própria vida.E deixou se levar pedindo força e equilibrio para viver melhor, não queria conquistar tudo por conquistar.Tinha um coração para seguir e tinha de ter maturidade para crescer.Fechou os olhos e repensou na sua vida:seu trabalho era estressante mas fazia o que gostava e no fundo no fundo valia a pena, seus amigos não eram ruins, só estavam se desencontrando de mais, sua mãe tentava e conseguia se manter presente mesmo com a distância de alguns quilômetros, seu pai...a esse tinha aprendido a viver de outra maneira mas sempre que pôde estava junto, seus irmãos?Não há distância maior que o afastamnento dos corações, o resto a gente se vira.Pronto, percebera que estava tudo em seu devido lugar, era ela que tinha se deixado ausente por alguns instantes.Descobrindo a força da vida, e o que ela tinha feito para si mesma sentiu-se renovada e mais leve, pronta para viver melhor a sua vida, viver melhor esse mundo tão grande, tão cheio de possibilidades.E bastava querer e não deixar desencantar-se pelas belezas do mundo como a rotina tinha lhe feito.
_Filho, vem logo já esta tarde!Pára de brincadeira...Deixa de bobagem, pára de mexer na água...Chega!Vamos para casa.
Mal sabia a tal mãe que dessa forma só iria cortar as asas do pequeno anjo, que crescendo com essa sede de viver poderia realmente voar.Como ela....Ela agora estava pronta para alçar vôo de novo.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

A sorrir...

..eu pretendo levar a vida.Pois, chorando eu vi a mocidade perdida.

Feche os olhos e pense em quantas vezes sorriu hoje, aquele sorriso de dentro para fora.Aquele que, quando está tudo errado e confuso, faz você se sentir mais leve.E então?Se foi um dia feliz, deve ter sido muitas vezes.Se foi um dia indiferente, deve ter sorrido por educação.Se foi aquele dia para esquecer deve ter sido poucas vezes ou nenhuma.E hoje em dia precisamos da leveza de um sorriso,precisamos da quebra do ciclo vicioso que é a rotina do estresse, da discórdia, da revolta.Precisamos para enfrentarmos as loucuras desse mundo cão.Para tentarmos pelo menos vivermos melhor no nosso próprio mundo, o que não percebemos é que nossas vidas influenciam muitas outras ao redor.Vamos propagar coisas boas, já que sabemos que coisa ruim vem a qualquer hora e para qualquer um.Então vamos nos preocupar e manter as coisas boas da vida, em buscarmos de alguma forma manter o prazer em viver.Nem que seja por um instante.





Ps.:Fiz um Tumblr!=))
Quem tiver um e souber mexer, por favor me ajude !!
Desde já agradeço, leitores amigos.=))

Ps².:Meu sobrinho está cada vez mais lindo( vai fazer 3meses dia 15/12)!!!Meu Deus do céu, esse sorriso não encanta e cativa qualquer um?Meu dia com um sorrisão desses acorda mais lindo e feliz!=)

Ps³.:Um ano e sete meses, com meu amor.As coisas estão seguindo um caminho melhor agora.E amor...aaaah esse não falta e aliás não pára de crescer.\o/ \o/

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Selooos.

Regra desse selo:

Falar 09 coisas sobre mim:

-Sou complicada( comigo mesma).
-Sou simples, com a vida.
-Sou às vezes, no fundo da solidão, dramática.
-Me desacostumo a andar de bicicleta fácil.
-Queria tocar violão e cantar lidamente.
-Quieria compor para alguém, num sonho beeeeeem distante para mim mesma.
-Tudo pode virar arte e tudo isso me atrai.
-Sou apaixonada pelas pessoas, e tudo que as cercam.
-Tenho medo do esquecimento, por mim e pelos outros.

Indicar o selo para 09 blogs:
-Aquele do dread.
- Fractions of my life.




Agora vamos a regra, que é uma só, indicar 10 blogs.

- Fractions of my life.
-
Aquele do Dread.
- Meu refúgio incerto.
- Secrets of a little girl.
- Pense!Questione!.
- Rebiiiscos.
- Meu compromisso com o mundo.
- Das coisas simples.
-Cheiro de chuva.
- Pérolas e coisas absurdas.

Recebi ambos da Tay .E como etsou meio sem criatividade ou paciência para meus loongos assuntos.Vou apenas postá-los direto.=))
É isso selo recebido, selo repassado.; )
Obrigada pelos selos e é isso.
Beijos.

=*